segunda-feira, 16 de fevereiro de 2015

A DONA MARIA

A DONA MARIA




imagens da net


Era um homem duro, o Senhor Presidente.Sisudo. Formal.Empertigado. Severo.
Pensava. Comprava a família.Mais um presente!
A esposa, uma Mulher inteligente.Fiel. Sensível. Alegre.Melómana. Carinhosa.
Dona Maria saiu. Ia às compras…
Um rapaz loiro tocava violino na rua.A criançada despreocupada. Feliz.
Seguia. Dançava de mão dada.Cada vez mais miúdos.E a roda aumentava.
A mulher do Presidente encantada. Atraída com a Alegria que ali se vivia.Parou. Gostou. Juntou-se à petizada.
O amigo do marido.Oficial. Correu a avisar do sucedido.O tal esposo formal.Indignado. Veio de imediato.Buscar sua Maria!
Esta acenou. Convidou-o a brincar.Ele, cada vez mais mau, a vociferar!
O violinista a tocar. As crianças a rir. A bailar.E Dona Maria a cantar.Começou a diminuir
Sumiu-se. Misturada com a petizada.Feita menina.
Sem jamais voltar!
.Lucinda Ferreira

Sem comentários:

Enviar um comentário