sábado, 17 de dezembro de 2011

Actualização do artigo ..A semântica do Natal


Semântica do NATAL

È surpreendente que a maioria das pessoas nada se preocupe com a sua vida espiritual e se afadigue tanta com a festa de Natal.
O que será que está menos certo?
A deturpação e a ignorância do sentido desta data?
A incoerência da onda alucinada, materialista que nada tem a ver com a festa de aniversário do nascimento de Alguém que nem sequer se conhece, nem se respeita?
O que será então o Natal?!
O que se terá passado para originar este movimento quase no mundo inteiro?
NATAL é justamente a festa de aniversário do nascimento de um Menino, em Belém, há dois mil anos…
Ele não nasceu por acaso. Há mil anos que a sua chegada vinha sendo preparada.
Tudo está documentado historicamente. Não é uma história qualquer sem consequências.
E se para algumas pessoas, só o que é valioso. Rico. Que dá nas vistas. Que concede superioridade. Se só essas coisas é que contam para a maioria, pois saibam que isso nada tem a ver com o Natal!
Se acham que para haver Natal tem que haver lautos jantares, muita bebida e acepipes raros e exóticos, isso nada tem a ver com esta ocorrência sagrada.
Se o evento não passa sem muitas luzes. Sem muito brilho e cor, isso também nada se liga ao que se pretende comemorar.
O barulho, as renas, os tristes pais natais, os chocalhos…não tem semelhança com o que se recorda com gratidão. Carinho… Amor num ambiente recolhido. Simples..
O Natal só existe, porque faz anos que nasceu aqui neste planeta TERRA, o Filho de DEUS , feito Homem !
Ele trouxe a Esperança a uma humanidade caída. Orgulhosa. Cruel . Jesus é o Sinal. A mudança!
…………………………………………………………………………………………………………………………..
Um casal, cuja mãe espera um bebé, tem que se deslocar em cumprimento de um dever de cidadão, a uma cidade chamada Belém.
Aí, procuram alojamento, mas não encontram.
Numa noite fria, em que certamente as dores apertavam - e só quem é mãe , percebe o que e digo -, houve que parar numa gruta, já que não havia outro abrigo.
Um lugar, onde não havia profusão de luzes. Houve talvez a lua , estrelas e alguma lanterna ...uma luzita de azeite…
Não havia muita música. Havia talvez o chocalhinho da vaca…e o zurrar suave dos animais que aí se abrigavam.
Não havia aquecimento central no salão cheio de alcatifas e tapeçarias ricas nas paredes…quadros famosos...ricas baixelas e muito glamour.
Havia feno no chão ou talvez mesmo, terra batida. Fria e húmida. Havia apenas o bafo dos animais do estábulo, como aquecimento.
A cama que acolheria o bebé não tinha lacinhos. Cetim. Nem rendas e bordados. O berço foi uma manjedoura. Sem conforto. Sem calor. Sem luxos.
Os convidados não eram todos senhores muito importantes. Destacados na política ou no dinheiro. Não vinham vestidos com vaidade. Luxuosamente.
Eram pastores. Simples. Rudes talvez. Iluminados pelo Espírito. Disponíveis. Humildes. Desprendidos, partilhando o todo, o pouco que tinham. Cheios de amor no coração.
E como se chamava o Menino que assim nascia tão pobremente?
Esse Menino chamou se JESUS!
E seus pais quem eram?
José, da linha do rei David, carpinteiro, vindo de Nazaré com sua mulher, Maria.
E tudo seriam banalidades sem qualquer destaque, se não fosse…
Se não fosse o quê?
Essa é a resposta que temos que descobrir . Escutar no silêncio do nosso coração.
Sim. Meditar na realidade Natal.
Quem não acredita. Respeita. Adora a Jesus, como ousa chamar Natal , ao encontro desta data?
Chamem-lhe patuscadas. Comezainas. Ostentação. Festas. Outro nome. Tudo o que quiserem, mas Natal não pode ser.
Jesus nasce numa manjedoura. Passa a sua vida nesta dimensão até aos trinta e três anos. Três anos são passados em missão. Faz apenas 7 sermões e 7 vezes 7 parábolas dizem tudo o que Ele tinha para dizer. Vive o AMOR que anuncia!
Esse Jesus que morre coerentemente e ressuscita para salvar a Humanidade dessas tais comezainas, hipocrisias, inversão de valores, injustiças, mentiras e tudo que não confere com a luz.
Esse Jesus que traz uma incumbência do PAI para encher de paz, os corações dos humanos. Para resgatar do erro e da escuridão todos sem excepção… dos quais Jesus se faz irmão.
Esse Jesus que não foi reconhecido. Nem respeitado. Até à condenação final, é esse mesmo Jesus que hoje temos que buscar.
Nesse encontro está a força para mudança. O testemunho. A certeza.
Aí está o nó do segredo!
A resposta. A segurança para todos os que hoje O procuram de verdade.
E até para os teimam em falar de Natal, sem pensar no que dizem.
Até são capazes de falar de Amor , sem se interessarem por conhecer quem é o Amor. O Caminho. A verdade. A vida!
Esse Jesus apaixonado pelo resgate de todos os nós. O único que pode dar sentido ao nosso Natal.
Aquele que nos diz ( e hei-de explicar lhe como isto é possível…): “
“Vinde a mim vós todo que estais cansados e aflitos e eu vos aliviarei, pois comigo todo o fardo é leve, todo o jugo é suave.”
………………………………………………………………………………………………………………………………
Calor humano. Aconchego das almas ,das Famílias que se amam de verdade. Vivenciam esse mesmo Espírito de Natal .
Que Ele encha de Paz . Coragem. Amor … coração dos Homens de boa vontade, … para que se realize a alquimia fundamental da existência humana. A aventura final: vencer e transformar a densidade .As trevas, em Luz!
Gratidão por Ele ter escolhido tudo o que sofreu para encher de Esperança os corações de TODOS OS HOMENS ,sedentos de Amor.
Que ninguém desperdice esta oportunidade.
Que quem já teve esta experiência , ajude os que estão ao se lado, com menos fé e coragem.
A alegria só é grande quando partilhada. Natal também é alegria!
Humilde e comovida, agradeço ao querido Jesus , Salvador de cada um de nós , sem hesitações até ao sacrifício final, por ter vindo até nós.
Cantemos com os Anjos, nesta noite fria e tão especial, em mais um Natal!
Que Ele nasça no coração de cada um de nós.
Lucinda ferreira
linmare@edicomail.net

A semântica do Natal




Semântica do NATAL

È surpreendente que a maioria das pessoas nada se preocupe com a sua vida espiritual e agora se afadigue tanta com a festa de Natal.
O que será que está menos certo?
A deturpação e a ignorância do significado profundo desta data?
A incoerência desta onda alucinada, materialista que nada tem a ver com a festa de aniversário do nascimento de Alguém que nem sequer se conhece, nem se respeita?

Qual será o significado do Natal?!

O que se terá passado para originar este movimento quase no mundo inteiro?

NATAL é justamente a festa de aniversário do nascimento de um Menino, em Belém, há dois mil anos…

Está documentado historicamente. Não é uma história qualquer sem consequências.

E se para algumas pessoas, só o que é valioso. Rico. Que dá nas vistas. Que concede superioridade. Se só essas coisas é que contam para a maioria, pois saibam que isso nada tem a ver com o Natal!
Se acham que para haver Natal tem que haver lautos jantares, muita bebida e acepipes raros e exóticos, isso nada tem a ver com este acontecimento assim designado de Natal.
Se o evento não passa sem muitas luzes. Sem muito brilho e cor, isso também nada se liga ao acontecimento ocorrido , que se pretende comemorar.
O barulho, as renas, os tristes pais natais, os chocalhos…nada tem de semelhante com o que se pretende recordar com gratidão. Carinho… Amor num ambiente recolhido. Simples...

O Natal só existe, porque faz anos que nasceu aqui neste planeta TERRA, o Filho de DEUS , feito Homem !
Ele trouxe a Esperança a uma humanidade caída. Orgulhosa. Cruel .
Jesus é o Sinal. A mudança!
…………………………………………………………………………………………………………………………..
Um casal, cuja mãe espera um bebé, tem que se deslocar em cumprimento de um dever de cidadão, a uma cidade chamada Belém.
Aí, procuram alojamento, mas não encontram.
Numa noite fria, em que certamente as dores apertavam - e só quem é mãe , percebe o que e digo -, houve que parar numa gruta, já que não havia outro abrigo.

Um lugar, onde não havia profusão de luzes. Houve talvez a lua , estrelas e alguma lanterna ...uma luzita de azeite…
Não havia muita música. Havia talvez o chocalhinho da vaca…e o zurrar suave dos animais que aí se abrigavam.
Não havia aquecimento central no salão cheio de alcatifas e tapeçarias ricas nas paredes…quadros famosos...ricas baixelas e muito glamour.
Havia feno no chão ou talvez mesmo, terra batida. Fria e húmida. Havia apenas o bafo dos animais do estábulo, como aquecimento.
A cama que acolheria o bebé não tinha lacinhos. Cetim. Nem rendas e bordados. O berço foi uma manjedoura. Sem conforto. Sem calor. Sem luxos.
Os convidados não eram todos senhores muito importantes. Destacados na política ou no dinheiro. Não vinham vestidos com vaidade. Luxuosamente.
Eram pastores. Simples. Rudes talvez. Iluminados pelo Espírito. Disponíveis. Humildes. Desprendidos, partilhando o todo, o pouco que tinham. Cheios de amor no coração.
E como se chamava o Menino que assim nascia tão pobremente?
Esse Menino chamou se JESUS!
E seus pais quem eram?
José, da linha do rei David, carpinteiro, vindo de Nazaré com sua mulher, Maria.
E tudo seriam banalidades sem qualquer destaque, se não fosse…

Se não fosse o quê?

Essa é a resposta que temos que descobrir . Escutar no mais fundo do nosso coração.
Sim. Meditar na razão, por que se comemora o Natal. Se isso não acontecer, desculpem, mas não podem ter Natal.
Quem não acredita. Respeita. Adora a Jesus, como ousa chamar Natal , ao encontro desta data?

Chamem-lhe patuscadas. Comezainas. Ostentação. Festas. Outro nome. Tudo o que quiserem, mas Natal não pode ser.

Jesus nasce numa manjedoura. Passa a sua vida até aos trinta e três anos , em missão, só para falar e viver o AMOR.
Esse Jesus que morre coerentemente para salvar a Humanidade dessas tais comezainas, hipocrisias, inversão de valores, injustiças, mentiras e tudo que não confere com a luz.

Esse Jesus que traz uma incumbência do PAI para encher de paz, os corações dos humanos. Para resgatar do erro e da escuridão todos sem excepção dos quais Jesus se faz irmão.
Esse Jesus que não foi reconhecido. Nem respeitado. Até à condenação final, é esse mesmo Jesus que depois RESSUSCITA!

E aí está a força para a mudança. O testemunho. A certeza.
Aí está o nó do segredo!
Aí está a resposta para todos os que hoje O procuram de verdade.
E até para os teimam em falar de Natal, sem pensar no que dizem.
Até são capazes de falar de Amor , sem se interessarem por conhecer quem é o Amor. O Caminho. A verdade. A vida!

Esse Jesus apaixonado pelo resgate de todos os nós. O único que dá sentido ao nosso Natal.
Calor humano. Aconchego das almas e das Famílias que se amam de verdade. Que comemoram .Vivenciam esse mesmo Espírito de Natal .

Que Ele justamente, encha o coração dos Homens de boa vontade, de Paz . Coragem. Amor… para que se realize a alquimia fundamental da existência humana. A aventura final: vencer e transformar a densidade .As trevas, em Luz, com ajuda d’Ele justamente !
Gratidão por Ele ter escolhido tudo o que sofreu para encher de Esperança os corações de TODOS OS HOMENS ,sedentos de Amor.
Que ninguém desperdice esta oportunidade. Que quem já teve esta experiência , ajude os que estão ao se lado, com menos fé e coragem.
A alegria só é grande quando partilhada. Natal também é alegria!
Obrigada ao nosso querido Jesus , Salvador de cada um de nós , sem hesitações, até ao sacrifício final.
Cantemos com os Anjos, nesta noite fria e tão especial.
È NATAL!

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Para Luciana com amor


Para a querida Luciana com amor************* Da Lucinda Ferreira em Coimbra

Linda como as estrelas…
Única e meiga
Como não é fácil encontrar
Incompleta no seu caminhar
Ainda tanto , tanto para descobrir e amar
Não te percas nunca na jornada, querida
Ainda tens muito a construir nesta vida!


Com a ajuda certa dos céus
Espera confiante. Aceita a surpresa
Rica. Nova. Sempre diferente.
E nunca desistas de amar este … aquele, toda a gente!
Trás escondida no coração a certeza de um Amor maior…
A v ida não são rosas sem espinhos. Aproveita os sinais.


Eles são sempre um símbolo “Mais”…


Nunca te esqueço e espero que venhas visitar-me .
Moras no meu coração para sempre mesmo até à eternidade
Te amo, querida
Lucinda Ferreira
Coimbra, 2 de Dezembro de 2011


quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Religião e espiritualidade

Transcrevo este texto interessante para fazer aumentar a autoconsciência de todos nós.
. Não sei quem é o autor,mas agradeço lhe ter criado este texto q partilho...


A religião não é apenas uma, são centenas.
A espiritualidade é apenas uma.
A religião é para os que dormem.
A espiritualidade é para os que estão despertos.

A religião é para aqueles que necessitam que alguém lhes diga o que fazer e querem ser guiados.
A espiritualidade é para os que prestam atenção à sua Voz Interior.
A religião tem um conjunto de regras dogmáticas.
A espiritualidade te convida a raciocinar sobre tudo, a questionar tudo.

A religião ameaça e amedronta.
A espiritualidade lhe dá Paz Interior.
A religião fala de pecado e de culpa.
A espiritualidade lhe diz: "aprenda com o erro"..

A religião reprime tudo, te faz falso.
A espiritualidade transcende tudo, te faz verdadeiro!
A religião não é Deus.
A espiritualidade é Tudo e, portanto é Deus.

A religião inventa.
A espiritualidade descobre.
A religião não indaga nem questiona.
A espiritualidade questiona tudo.

A religião é humana, é uma organização com regras.
A espiritualidade é Divina, sem regras.
A religião é causa de divisões.
A espiritualidade é causa de União.

A religião lhe busca para que acredite.
A espiritualidade você tem que buscá-la.
A religião segue os preceitos de um livro sagrado.
A espiritualidade busca o sagrado em todos os livros.

A religião se alimenta do medo.
A espiritualidade se alimenta na Confiança e na Fé.
A religião faz viver no pensamento.
A espiritualidade faz Viver na Consciência..

A religião se ocupa com fazer.
A espiritualidade se ocupa com Ser.
A religião alimenta o ego.
A espiritualidade nos faz Transcender.

A religião nos faz renunciar ao mundo.
A espiritualidade nos faz viver em Deus, não renunciar a Ele.
A religião é adoração.
A espiritualidade é Meditação.

A religião sonha com a glória e com o paraíso.
A espiritualidade nos faz viver a glória e o paraíso aqui e agora.
A religião vive no passado e no futuro.
A espiritualidade vive no presente.

A religião enclausura nossa memória.
A espiritualidade liberta nossa Consciência.
A religião crê na vida eterna.
A espiritualidade nos faz consciente da vida eterna.

A religião promete para depois da morte.
A espiritualidade é encontrar Deus em Nosso Interior durante a vida.

"Não somos seres humanos passando por uma experiência espiritual... Somos seres espirituais passando por uma experiência humana... "(Pierre Teilhard de Chardin )



--
"Não viemos ao mundo para fazer o que os outros fazem.
Não viemos para fazer um pouco melhor o que os outros fazem.
Viemos para fazer o que só nós podemos fazer."


(Trigueirinho)


humanos passando por uma experiência espiritual... Somos seres espirituais passando por uma experiência humana... "(Pierre Teilhard de Chardin )

"Não viemos ao mundo para fazer o que os outros fazem.

Não viemos para fazer um pouco melhor o que os outros fazem.
Viemos para fazer o que só nós podemos fazer."


(Trigueirinho)m é o autor do texto...mas partilho, agradecendo a quem o criou.

MARIA



Maria


Avé MARIA, cheia de graça, bendito é o fruto do teu ventre…

O nome MARIA significa a bem amada.
Há dias, veio me parar à mão, algo referente a um documento que existe na Biblioteca do Vaticano e que fala da figura histórica de Jesus e de sua Mãe!
Jesus que pela sua conduta irrepreensível. Coerência de vida. Autoridade moral. Serenidade, se tornou incómodo para os que não estavam bem com sua consciência.
De tal maneira incomodou os poderosos com uma coragem infinita e uma força tal, fazendo-os confrontar-se consigo mesmos, que estes não aguentaram.
Julgando que dando Lhe a morte, o espinho das suas consciências desapareceria, tudo fizeram para se livrar d’Ele.
Foram tão longe que o condenaram, embora inocente, dando Lhe a morte mais ignominiosa. A morte numa cruz, entre ladrões, a escumalha da sociedade.
A opção de Jesus de ir até ao fim, anunciando a mensagem do Céu, de Seu Pai, com uma entrega total sem limite e por amor, com uma coerência indescritível, levou -O a morrer em nome dos princípios anunciados. Praticados. Vividos, durante 33 anos.
Se fosse hoje, talvez se repetisse a mesma situação. Os incomodados e ainda são muuitos (…), mando-Lo-iam matar do mesmo modo. Talvez com maiores requintes de crueldade.
Recebi um email, em que se viam três jovens regados com gasolina. Depois, lançavam-lhes fogo…Fazer isto a irmãos, é duro de ver.
Jesus tinha uma missão. Sabia bem ao que vinha. Por que vinha. Por amor, foi até ao fim.
No final, a Sua ressurreição foi a condenação eterna, o castigo, a pena mais dura , a perdição final dos seus algozes.
Propus me falar de Maria, Sua Mãe . Perdi me pelo caminho, tanto há a dizer!
O tal documento que pode ser consultado, fala também em MARIA, mãe de Jesus.
Refere MARIA de uma beleza resplandecente. Distinguida de tal modo pela sua beleza, que o esta particularidade é posta em evidência. Quando Ela passava na cidade, sobressaia a sua formosura. A sua postura discreta.
Penso muitas vezes em Maria…
Uma jovem pura, de famílias que seguiam à risca os preceitos do Senhor. Uma menina prometida a José, um varão, da Casa de David. Um homem honrado. Distinto.
Ora justamente, esta jovenzinha ouve uma voz que lhe anuncia que vai ser a Mãe do Salvador. Do Messias.
De inicio, assusta-se. Não percebe. Chega mesmo a dizer:
-Como pode isso ser possível, sem não “conheço” varão?!
Ao que o Anjo responde:
-Não te preocupes. Conceberás e darás à luz, um filho. A Força do Altíssimo está contigo. O Espírito Santo descerá sobre ti. Achaste graça perante o Senhor.
Serena. Confiante. Generosa, MARIA responde sem hesitação:
-Faça-se em mim, segundo a vossa palavra.
Este sim pronto de MARIA. Entrega. Fé. Esta missão grandiosa de mãe do Salvador, a escolhida, fez dela a nossa amiga mais querida.
Portugal tem um lugar particular no seu coração de mãe da Humanidade.
MARIA! Mentalizo a sua prudência. Discernimento. Simplicidade. Grandeza .A sua confiança em Deus…
Quem recebera a mensagem do Anjo fora ela…Imagina-se com terá sido reputada. Como terá sofrido, ao ficar grávida. Terá sido muito mal julgada.
Em primeiro lugar, pelo seu noivo, José. Seus parentes mais próximos. Seus vizinhos. Todas que a conheciam. Desconfiança. Murmurações de uma sociedade tão rígida .Fechada. Como poderia ela, mulher, defender-se?
MARIA do silêncio. Da aceitação serena. Da entrega à vontade suprema da Criador. Confiante.
Que grande exemplo e testemunho a imitar…
Vencida esta etapa, com a intervenção divina, dando um sonho a José , em que lhe fora explicado:
- José, não abandones MARIA. O que nela foi gerado é obra do Altíssimo.
A mesma grandeza do homem que assim se torna o guardião do Menino, do Filho de Deus encarnado. Aceita .CRÊ.
Agora imagino como foi que MARIA foi mãe em circunstâncias tão duras – eu que fui mãe duas vezes…e todas as mães podem perceber, como e que com frio, sem condições, numa gruta nasce o seu menino.
E MARIA acreditando, SEM HESITAR , que era obra de Deus…
Mais tarde, o menino perde-se...Que susto de mãe!
-Está lá fora tua mãe que te procura…-dizem a Jesus .
Até parece dura a resposta:
-Mas quem é minha mãe? O meu irmão?.. É aquele que cumpre a vontade de meu Pai…
MARIA tudo aceita por amor.
No final e para encurtar, conhecemos os martírios de seu filho?!
Só quem é Mãe, pode sentir no coração , o que MARIA terá sofrido.
Até ao fim, ela é fiel.
Lá está ela… aos pés da cruz…
Discreta, apenas com um registo seu no Evangelho, nas Bodas de Caná, dizendo-nos o essencial, ainda hoje:
-Fazei tudo o que Ele vos mandar!
Obrigada, querida e linda Mãe do
Céu, pelo teu SIM e nos teres dado, o teu amado Filho Jesus !

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Percursos ou o CAMINHO?


Percursos ou o CAMINHO?


Não existe um caminho para a felicidade. A felicidade é o caminho.
Mahatma Gandhi
Se você encontrar um caminho sem obstáculos, ele provavelmente não leva a lugar nenhum.
Frank A. Clark


Se é verdade que a gratidão abre todas as portas, há ainda outros mistérios.
Descobrir a essência. O caminho. É a chave do enigma para todo o resto. Até para suportar a doença. Adversidades.
Na vida, fazem-se percursos e o CAMINHO.
Qual a causa deste equivoco?
Colocar como central e único objectivo da vida, ser aceite pelos outros. Servir apenas o instinto animal. Básico . Desejar ver realizados os seus mais altos tributos. Ser o maior. Ser aceite por realizar mais e mais. Nunca estar contente. Sentir ânsia. Insatisfação, na realização. Correr. Correr, apenas ! Tudo exterior. Visível. Material que seduz e faz andar. A sociedade admira este ser. Ele sente-se grande. Orgulhoso do seu sucesso. Guiado pela adrenalina. È importante! Longe demais , até comete burlas. Fraudes. Sempre em prol de mais e mais. Dinheiro. Bens . Poder. Chamam a isto ser bem sucedido. Ter poder. Enriquecer. Competir. Ser poderoso. Temido .
Será que este empenhamento nos percursos, para não sofrer, para “singrar na vida”, não deixa o essencial pelo caminho? A consciência, por vezes? A interioridade? A parcela de vida mais verdadeira? Nem a conhecem. Será que se abandona o melhor de nós mesmos?
Há quem tenha medo de se ver por dentro.
Há tempos, uma senhora dizia:
- Eu mal chego a casa, abro a televisão. O rádio. Tenho que ouvir barulho. O silêncio assusta-me.
– Será que se ouve a si mesma, com o mesmo interesse? Amor? Atenção?
……………………………………………………………………………………………………………………………………….

Viver. Ser feliz é unicamente ser aceite pelos outros? Será isso o que Importa?
Ser fiel a si próprio no mais íntimo do seu ser, é a fonte de paz.. A tal Felicidade que a maioria teimosamente procura em sítios errados.
Orientar a agulha que guia a vida, noutro sentido. Perceber. Descobrir. Querer andar em frente! Sentir-se bem na sua pele, antes de tudo. Apesar de tudo o que acontece, talvez valha a pena.
Quem não deseja isso?
O sentido da harmonia pessoal é único.
Vale a pena, parar? Reflectir? Lutar para o descobrir?
Ter a certeza que estamos no nosso caminho. Entrar no nosso templo. Lá, no silêncio. Espreitar as nossas emoções. Daí nasce a serenidade. A paz interior chega.
Há muitas pessoas assim. Elas já conhecem o segredo. Encontraram a saída do labirinto.
Escutam a sua voz interior. Progridem. Trabalham. Têm muito sucesso também.
A diferença entre os percursos e o Caminho, está nas prioridades da escolha dos objectivos.
Tudo muda por arrastamento. Como corolário, há tempo para tudo.
Conheci há dias, um quadro superior de um local muito destacado neste País.
Era simples. Visitava os mais necessitados. Fazia parte de grupos de ajuda.
Está no mundo absolutamente integrado, mas não descura a sua parte interior. A sua interioridade é certamente o lugar sagrado, onde nasce o entusiasmo para fazer o Bem.
Sem dúvida é aceite pelos outros. Isso é confortável. Vantajoso até para poder actuar.
Encontrou o caminho original. Verdadeiro.
Se ainda não encontrámos o CAMINHO, vamos trilhando percursos.
Dir-me-á:
-Sempre vivi imerso na sociedade. Foi o caminho que me ensinaram. Até a ser competitivo e não solidário, para vencer mais rápido. Para chegar primeiro.
-Verdade? Mas é sempre momento de descobrir o seu caminho. Vale a pena.
Quando perceber que está onde tem que estar: dentro de si mesmo, antes de tudo, sente-se confortável. O resto vai chegando aos poucos.
O coração vai saltar de alegria. O mundo parece lhe diferente. Só vê o lado bom dos outros . Da vida.
Enquanto se vai aprendendo a ida para a nossa “casa”, nosso interior, tudo são lições. Duras? Talvez.
Se não se saltar de alegria. Gostar de estar sozinho consigo mesmo. Valorizar a sua paz. Serenidade. Saúde. Bem estar interior, acima de tudo , ainda não se encontrou o caminho.
Vamos todos tentar?
Talvez valha a pena .
Cada vez que a vibração de um ser humano sobe, o universo no seu todo, melhora!
Quer deixar também impressa a sua marca positiva?
Vamos a isso!

terça-feira, 8 de novembro de 2011

Grata pelo, comentário da minha colega Dra Elsa


Fui ao teu blog.
não me surpreendeu a beleza da escrita
bondade, sentimento e sensibilidade.
sabes porquê?
Porque quem te conhece
quem procura uma ajuda
sabe onde bater!
deixa que a poesia que te habita
corra sempre límpida e pura
como um regato sussurrante
amando, dando e recebendo
o calor da AMIZADE.
Obrigada por existires na minha vida!
Elsa

sábado, 5 de novembro de 2011

ESSÊNCIA (2) Momento...


ESSÊNCIA (2) MOMENTO

Pomba branca

Rasgando o céu

Imenso

Livre

Essência

O melhor de mim…

Esperaste

Sofreste

Abandonada

Desprezada

Hoje…

conheci-te,

Beleza

Alegria

Amor

Certeza

Digo-te:

SIM!

Dona

desta ânsia

d’abraçar o mundo

Certeza

Sagrada

Centelha

Convicção

luz

eu sou...

corpo

tanto tempo

mal amado

sem carinho

desprezado

HOJE... SILÊNCIO

A LUZ BRILHOU

ENCONTREI O CAMINHO!

ESSENCIA


ESSÊNCIA


Janela aberta
Flor do meu jardim
Labirinto fechado
Encerrado
Dentro de mim…
Solta-te.
Voa
Canta
Bate firme
Suave
Livre
Asas abertas
Albas
Céu infinito!
Voa no meu peito
Ao teu jeito
Liberta
Pura
Luz
Guia
Vida
Afinal sou eu mesma
E nem o sabia!


5 Nov.11
Lucinda Ferreira

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

DESAFIO


Desafio

"O entusiasmo é um vulcão em cuja cratera não cresce a relva da hesitação." Kahlil Gibran


"A diferença fundamental entre o homem comum e o guerreiro, é que o guerreiro encara tudo como desafio, enquanto o homem comum encara tudo como bênção ou maldição." Carlos Castañeda


Às vezes até acreditamos em Deus , mas apenas com a cabeça.
Enquanto essa crença não desce para o coração, fica tudo como se nada de especial acontecesse.
Assim, muita gente diz:
“eu cá tenho a minha crença... Os que frequentam a igreja não são melhores do eu… E o s padres são estes e aqueles “.
Não páram de se centrar nos outros . Mas quando morre, quem é que vai dar conta das suas opções, são os que critica ou você mesmo?
Virar -se para dentro .Trabalhar o autoconhecimento. O aperfeiçoamento interior, impõe-se urgentemente!
Depois, quando tudo corre bem, Deus é fantástico .
Quando não corre , ouve se:
“ mas eu que não faço mal a ninguém e tudo me acontece. Conheço gente que é tão má e tem tanta sorte. “
Ainda… lembram-se de Santa Bárbara quando troveja . A sua oração é só para pedir . Nunca para agradecer . Tanto que possuem, mas vítimas infelizes, só se centram no que não têm.
Deus só interessa, quando nos faz a vontades do que nós pensamos que é o melhor para nós. Às vezes, nem é mesmo o que mais nos convém…
Temos aquelas orações, quando as temos, mas temos tudo o que serve Lúcifer nas nossas vidas. Leituras. Programas de Televisão sem qualquer nível. Aceitamos tudo. Estamos sempre dependentes do exterior, contrariamente ao que nos convém. Só vemos desgraças. Patetices. Não há selecção. Entra todo o lixo no subconsciente. Isso provoca estragos , como nem imaginamos. Reflecte-se tudo mais tarde, nos nossos actos. Nas nossas relações. Na saúde. Em tudo que somos e fazemos.
O nosso espírito é como um moinho: mói tudo o que lhe pomos dentro.
Não se cultiva a auto-consciência. O autoconhecimento até nos assusta. Alguns sentem-se o supra sumo. Acima de toda a gente. Há orgulhos que são qualquer coisa de tão estúpido, que até faz pena.
Outros pensam que são uns tristes. Infelizes . Coitadinhos . Tudo errado.
Quando dava aulas , entrava numa turma e logo no primeiro contacto, apaixonava-me pelos meus meninos. Tinha a percepção das crianças e jovens e das suas necessidades.
Uns eram castigadores. Cáusticos para os colegas , nem os deixando respirar. Outros, lá no canto , muito tímidos , eram maravilhosos, mas sentiam se inferiores. Inseguros.
O meu trabalho de amor e pedagogia, era amar cada um deles, conforme cada um era.
Aos que se excediam , dizia com alguma calma: espera um bocadinho. Deixa falar o teu colega, o Zezito.
A este faltava a autoconfiança que sobrava no outro.
Quando se conseguia exprimir , por pouco que fosse, valorizava tudo e elogiava.
Dava me muita alegria vê-los crescer. Tenho saudades deles, confesso. Hoje, muita gente me procura para falar comigo.
Fico sempre bem atenta . Saem confiantes. Sorridentes. Sempre com um novo Projecto par lhe iluminar a vida . Sim, porque a vida é LUZ!
Se tivermos consciência de que somos filhos de Deus , tudo muda á nossa volta. Aceitar essa realidade . Vivê la! Faz toda a diferença.
Quando ocorre esta certeza no âmago da alma, no mais fundo do subconsciente, de que se é filho de Deus , sempre abençoado pelo Pai , o êxito e a prosperidade estão absolutamente garantidos!
Desaparece o temor . A preocupação . A vida flui com alegria no bem e nas dificuldades. Sabe se que este mundo não são rosas , mas que os espinhos fazem parte . Servem para eles para nos aprimorar na nossa evolução e no bem que se espalha a nossa volta.
Quando há esta entrega , também se sabe que a sabedoria divina guia os nossos passos . As decisões adequadas para cada situação, surgem sempre.
Há ainda algo muito importante: quando sentimos que uma situação, uma relação , algo nos é penoso e fugimos dela, logo à frente , ela vai repetir-se.
Por que razão?
Porque a causa está em nós. Não digo a culpa. Nem o erro. Digo a CAUSA…
Que quero dizer com isto?
Que é a nossa atitude que precisa mudar. Senão estamos sempre mal . Há sempre as mesmas dificuldades a vencer . Perseguem-nos até percebermos isto mesmo.
Se não fosse assim , também não tinha sabor esta vida . Vejam por exemplo , quando tudo corre sempre muito bem , as pessoas até se enjoam. Buscam aventuras.
A vida é mesmo um desfio. Aguça o entusiasmo. Alegra os nosso dias.
Vamos lá , força!
Para a frente é que é o caminho.
Deixemos nos de vitimização que isso é outra história de que haveremos de falar.
SE comparar a sua cruz com a do vizinho, certamente prefere a sua.

“Se você aceitar as suas possibilidades no presente ,vai melhorar no futuro.
Se negar as suas limitações, jamais se verá livre delas.
Enfrente seu caminho com coragem, não tenha medo da crítica dos outros.
E, sobretudo, não se deixe paralisar por sua própria crítica.
Deus estará sempre com você nas noites insones. Enxugará com seu amor, as lágrimas ocultas. Deus é o Deus dos valentes”
Anónimoi




domingo, 23 de outubro de 2011

Este é o meu endereço no facebook


https://www.facebook.com/index.php?lh=253bf38784a5aa39f61b170f2542f252


Ando por aqui agora , embora não saiba mt bem todos os caminhos.

Talvez o tempo me ajude e ..chegue à conclusão feliz, de que valeu a pena o tempo que se perde
Mt obrigada a Luciana e a Elisabete pelos comentários amigos
Beijos
Lucinda

sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Pessoas Especiais


Pessoas especiais



Consciência - A primeira e pior de todas as fraudes é enganar-se a si mesmo. Depois disto, todo o pecado é fácil (J. Bailey)

Ninguém nos aconselha tão mal como nosso amor-próprio, nem tão bem quanto a nossa consciência.
(Mariano da Fonseca, marquês de Maricá (1773 - 1848 * político e intelectual brasileiro)

A consciência é o melhor livro de moral e o que menos se consulta.(Pascal)

Feliz aquele cuja consciência não o acusa.
(Eclesiástico 14,2
)


Somos todos os especiais, se assim o quisermos. Se usarmos a nossa liberdade a favor do crescimento nosso e dos que nos rodeiam .

Essa á afinal a razão da nossa existência.

Não nascemos para ser ricos. Poderosos. Famosos.

Nascemos para ser felizes. Evoluir . Amar. Somos todos seres de luz!

É por isso que os caixões não têm gavetas, nem prateleiras para levar coisinhas.

È fantástico que o materialismo enriquece pelo que possui.

O coração enriquece pelo que dá.

Nada possuímos neste plano. Nada nos pertence . Tudo é para agradecer, a começar pela vida. Família. Casas. As pessoas que cruzamos. Tudo a que temos acesso, nada nos pertence. Tudo é para agradecer. Só possuímos a nossa alma… e não a podemos deixar por mãos alheias…

A vida não serve apenas para aproveitar o melhor possível de cada minuto. Há um alcance muito mais amplo para estar vivo.

Agradecendo a possibilidade de estarmos aqui , porque até podíamos ter sido abortados (…), percebemos que viemos para evoluir espiritualmente .Aprendermos a amar melhor.

Todas as oportunidades que a vida nos dá, são para nos aprimorarmos como pessoas. È um sinal de inteligência maior. De entendimento de pessoa especial agir assim.

Mas se me disser q a vida é cheia de encrencas e a que a minha conversa é uma treta , digo lhe que também me esforço pela coerência .

Já percebi que as dificuldades sejam elas quais forem , são os nossos professores. São elas que nos levam a procurar uma razão maior para ir em frente. Ao superá-las, tornamos pessoas melhores. Acredite. Tente e verá.

Reforçar a capacidade de resistir às tentações, aos desânimos é que nos torna também as tais pessoas especiais.

Admiramos como modelos, sres como Martin Luther King,…Teresa de Calcutá, Padre Américo, Nelson Mandela..e tantos anónimos que lutaram. Amaram. Evoluíram destemidos, corajosos e cheios de fé num destino último para além deste plano de aprimoramento e escola.

Ninguém veio aqui com a missão de comer do bom e do melhor. Juntar muito dinheiro. Ser muito poderoso e importante.

Ter muitas conquistas amorosas.

Amor. Comida . Ganhar dinheiro são importantes, mas não são a razão primeira de uma existência.

Reparamos que quando alguém tem uma missão solidária, essa pessoas ligam se a uma força desconhecida que as leva até aos confins do mundo Qual a razão? Essa pessoas tem consciência da sua missão. Isso renova-as de alegria e coragem para prosseguir . Vencem-se todos os obstáculos. È assim o voluntariado. Garanto-vos.

Muita gente distorce o sentido da sua missão. Chega ao fim da vida com a sensação de vazio. Tornam se idosos quezilentos e difíceis…

E já agora , veja…

Está angustiado/a? Perdido/a ? Sem entender o sentido da sua vida? Páre.

Pergunte-se a si mesmo como tem tratado :

.1 . os seus pais…´

2. os seus filhos

3.os seus amores

4. os seus amigos.

5 os seus irmãos.

Repare. Veja se anda sem tempo , nem disposição para escutar os que precisam da sua atenção…

A outra criança , também perguntava ao pai e mãe, quanto é que ganhavam à hora , para ver se no seu mealheiro teria dinheiro para lhe pagar uma hora da sua atenção…

Começar por estas pequenas grandes coisas, faz a diferença da sua plenitude interior.

Além disso … O homem livre é senhor de sua vontade e somente escravo de sua consciência.
(Aristóteles)

Mas…lembre-se que “A consciência é muito bem educada. Deixa logo de falar com aqueles que não querem escutar o que ela tem a dizer.”
(Samuel Butler)

Então, quantos minutos reserva por dia para si mesmo/a para um dialogo sincero consigo próprio/a?

E para agradecer tudo o que a vida lhe fez cruzar em cada dia …Os anjos que Deus colocou no seu caminho .Os maus também tem uma função… não se esqueça…é lembrar o que atraiu algo que a vai ajudar a ,melhorar algo que em si precisa de ajuste.

Muito importante, é escutar a sua alma .Ela como ninguém é a única que sabe o que precisa mudar .Reforçar.

Tudo na vida é convite para avanço . Não se negue a esta realidade. Mesmo os que nos corrigem são oportunidades para parar. Pensar .Agradecer .Avançar.

Tudo o que chega a nós , vem por alguma razão .

Até este texto!

Nada acontece por acaso.

Naturalmente, quanto mais se busca a luz, mais sombras cruzamos . Se não estivéssemos despertos para esta realidade, nem detectávamos as sombras.

A luz traz em si , aquela felicidade que nada o que é material pode

despoletar em nós , seres divinos a fazer uma experiência na densidade

Seja feliz. Seja o primeiro a beneficiar da sua postura além de elevar o mundo em que vive.

Escolha a luz!

Seja uma pessoa especial.

terça-feira, 18 de outubro de 2011

GESTOS SIMPLES


GESTOS SIMPLES




Se queres compreender a palavra 'felicidade', indispensável se torna entendê-la como recompensa e não como fim.
(Saint-Exupéry)

A felicidade humana geralmente não se consegue com grandes golpes de sorte, que poucas vezes acontecem, mas com pequenas coisas que acontecem todos os dias.
(Benjamin Franklin)


Durante dois dias estive num grupo de trinta e tal pessoas.
Antes de me integrar, disponibilizei -me intimamente e disse: Senhor usa me como entenderes , para que eu leve a luz…
E parti tranquila. Não conhecia ninguém.
Sei que o sorriso verdadeiro é uma porta aberta para chegar ao outro.
Quando entrei saudei a todos, olhando-os e sorrindo com naturalidade.
Depois, aproveitei qualquer oportunidade para ajudar. Elogiar. Promover. Encorajar.
Aliás, este foi sempre o segredo, enquanto ministrei as minhas aulas.
O mínimo esforço e progresso, principalmente nas crianças e jovens com mais dificuldade, eram sempre elogiados com um sorriso e uma mão sobre o ombro.
-Que bem Zezito. Estás a melhorar cada dia mais e mais. Que bom. Se precisares, eu ajudo. Mas eu sei, que és capaz de muito mais e mais, mesmo sozinho. Vamos lá!
Os olhos brilhando, abria
m-se. Ele que não estava habituado a ouvir senão o contrário. Hoje, surpreendia-se .Até lhe custava a acreditar, mas sabia-lhe bem...
Ao outro dia, aquele aluno já estava à porta à minha espera, para me contar algo que lhe enchia a alma. Coisitas simples. Outras até mais pesadas…Mas ela sentia que eu o amava. Que podia contar comigo.
Escusado será dizer, que a partir daquele momento se esforçava, por vezes sem limites, para escutar de novo mais um elogio. A sua auto-estima estava rompendo a medo. Assim progredia cada dia um pouco mais , arrancando dentro dele a força que desconhecia que possuía para mais tarde voar sozinho , bem alto!

Mas hoje , quero falar deste grupo que me deu tanta alegria.
À mesa, guardava o lugar para aquele que se atrasava um pouco.
Esperava que se servissem. Aproveitava para escutar o que tinham para dizer, valorizando tudo o que contavam.
Tive oportunidade de me manifestar várias vezes e elogiei o trabalho da pessoa que nos servia.
Quando alguém se aproximava mais, valorizava o seu aspecto, dizendo lhe como estava bonita. Como a idade nos torna ainda mais interessantes .
Aos mais jovens, encorajava-os a nunca desistirem dos seus sonhos e projectos. A não perderem tempo para promoverem o bem e defenderem os mais necessitados.
Havia no grupo uma pedagoga que me falara do projecto SOM-RISE.
Não parei de lhe pedir , mesmo na despedida, que o mundo espera tudo dela .
O projecto SOM-RISE é algo super importantes para ajudar crianças e adultos autistas. Pessoas que vivem neste mundo apenas com o corpo, porque alma, o espírito não quer “aterrar”.
Há trinta e oito anos, suponho, um menino autista só lavava pratos. A mãe levada por um amor imenso e cheia de compaixão e amor pelo seu menino, pôs-se a repetir os mesmos gestos , ate que de repente se deu o clic , e o menino suponho com 3 anos , mudou. Despertou!
Hoje, ele é doutorado. Tem uma clínica . Anda pelo mundo ajudando os pais e professores a lidarem com esse problema, falando da oportunidade que se abre para esse irmãos que sofrem e enchem de sofrimento quem mais os ama.
Enfim, neste dois dias, encorajei. Escutei. Elogiei. Amei. Tentei arrancar e mostrar a força do lado positivo das coisas. Perceber e contagiar, no sentido de fortalecer esta coisa tão simples que é a transformação do mundo, através de uma fisionomia alegre, como uma antena que atrai a felicidade.
Passar testemunho. Tornar feliz quem nos rodeia.
Quando nos despedimos, todos achámos que o tempo voara. Que todos queríamos estar de novo juntos, mais tempo. Criámos um espírito no grupo. Até trocámos contactos.
Senti -me plena. O tempo passara a correr…
Vejo de novo, os rostos todos dentro de mim e oro por estes irmãos que a vida me emprestara por dois dias.
Agradeço a Deus e ao Universo, este encontro de luz .
Trinta e tal desconhecidos inicialmente, que nos tornámos e sentimos irmãos .
Acredito que não esqueceremos, como foi agradável esta viagem.
Da minha parte, muito obrigada a todos e a cada um em particular.
Afinal ser feliz é fácil. Será apenas fazer de cada minuto, um momento especial.

linmare@edicomail.net
blog:lucinda-umaponteparaoinfinito

domingo, 9 de outubro de 2011

O que nos faz avançar é a sintonia


Querida Lucinda

Belíssimo e contundente texto que mostra toda a sua sensibilidade e amor pelo ser humano.Coisa que não tiveram os colonizadores. Como é possível se praticar tanta atrocidade? Total desrespeito ao irmão, ausência de todo e qualquer sentimento. Em nome de quê? De poder.

Esse trabalho de limpeza e energização de todos os lugares da Terra é muito bonito e necessário. Que todos os que têm amor dentro de si sigam esse exemplo e se irmanem a todos que sofreram ou sofrem ainda as mais variadas violências. Que essa luz de amor atinja os mais recônditos lugares, purificando e levando felicidade.

Parabéns, querida, por tamanha sensibilidade!

Com o meu carinho

Estela

domingo, 2 de outubro de 2011

O QUE PENSA JOSÉ ANTONIO


AGRADEÇO AO MEU AMIGO O SEU COMENTÁRIO

ACHO QUE SÓ SE PODE VER A BELEZA SE ELA EXISTE, EM PRIMEIRO DE NÓS.

LEMOS TUDO , COM AQUILO QUE SOMOS. DAI, QUE ALGO BELO PARA ALGUNS , ATE PODE INCOMODAR OUTROS

DE QUALQUER MODO , SINTONIA É COISA QUE CONSOLA A ALMA.
MT OBNRIGADA
AQUI FICA O COMENTÁRIO DE JOSÉ ANTÓNIO...

".Olá Lucinda,

Fiquei surpreendido, realmente surpreendido.

Adorei tudo o que li.

Tanta sensibilidade, tanto amor, tanta clarividência!

Não pare, há tanta ALMA que deveria ler o que escreveu…

Um beijo da agradecimento, muito grande, para si.

José António

sábado, 1 de outubro de 2011

Com os olhos do coração


Com os olhos da alma…


A escravidão avilta o escravo e barbariza o senhor.
Marques de Marica
A história da escravidão africana na América é um abismo de degradação e miséria que se não pode sondar. "
( Joaquim Nabuco )

Um dia destes, despoletado pelo livro - No coração das Trevas de Joseph Conrad….fui levada em meditação, a ver todo o Planeta Terra e as suas feridas.
Foi me pedido que limpasse.
Limpasse sem demora toda a Terra.
Todos os dias.
Se pudesse fazer em conjunto, seria bom, já que “onde estiverem dois ou três reunidos em Meu nome , EU estarei no meio deles”, mas se não pudesse ser, que fizesse sozinha, porque neste momento , muitas pessoas fazem o mesmo .
E é mesmo urgente. Muito urgente!

“África estava ensopada em sangue!”.

Desde muitos anos a esta parte, que o europeu, sem respeito pela civilização autóctone, roubou, pilhou, matou, destruiu e ficou toda a gente muito contente falando de civilização. Falando do colonização.
Tudo feliz, instalado na terra dos outros, como senhores absolutos. Colonizadores. Esse nome blasfemo. Horrível que permitia todos os desaforos e faltas de respeito pelos donos da terra que eram assim mortos. Expulsos. Humilhados e a terra usurpada.
Colonização era cobertura para tudo!
E ainda hoje, há quem não tenha vergonha de falar em fortunas fabulosas construídas em África, por “chicos espertos” sem escrúpulos, Também terá havido gente honrada, creio eu, que terá trabalhado em África ,mas esses não são curiosamente os mais ricos.
Então com se construíam fortunas tão fabulosas?Importantes e poderosos tornados assim pelo dinheiro e pelo poder que ele confere, figuras oneráveis que se amanharam em negócios escuros, quem sabe “roubando” diamantes e muitas outros valores, que depois transferiram “sabiamente” para os seus países , sob o título de homens honrados e muito respeitáveis pela sua fortuna .
Rendendo preito à riqueza do “africano”, eram servidos e bajulados pelos seus compatriotas humildes, distraídos e ignorantes.
Esses mesmos, a quem o poder se lhes impunha, dizendo que lhes bastaria” saber ler e contar”. Isto está documentado.
E o mais “engraçado” e triste, é que aqueles que sempre usufruíram dos benefícios do poder, num regime totalitário, de repente tornaram-se democratas e continuam com os mesmos privilégios que sempre tiveram, unindo-se aos seus iguais, formando uma frente atrevida de comando.
No fundo, são sempre os mesmos. Quem não tem vergonha, todo o mundo é seu. E ninguém lhes põe a mão, porque ninguém consegue acusá los.E isto passa- se em quase todos os países europeus ligados à "brilhante" colonização durante séculos.
Mas enfim, agora o objectivo é mesmo limpar a Terra Africana do sofrimento e da memória dos desaforos que ai tiveram lugar.
E isso é mesmo muito urgente, pois a ameaça do gume da espada da justiça pesa sobre a cabeça de muitos dos nosso antepassados europeus e …Portugal também tem muitas culpas…
Encher o continente africano de luz do Alto, de modo a dissipar toda a densidade.
Aspirar Céus , Terra, Mares e Rios.
Limpar e pedir perdão para tanto crime impune que aí teve lugar. Contra Pessoas, nossos irmãos diferentes apenas na cor da pele, Animais, Plantas, enfim crueldades contra Humanos e contra toda a Natureza. “Grandes senhores”.(…) , matando por desporto...

E depois de aspirado todo esse lixo de séculos, de maldades indescritíveis, encher de Luz toda essa Terra mártir.
Encher de Paz, Solidariedade, Justiça, Respeito …todos os governantes. Todos os habitantes. Todos os seres vivos que aí existam.
Renovar e revestir essa Terra Mãe, pelo poder dos Céus e pelo restabelecimento da ordem primeira, tornado respeitoso o convívio de progresso. Abundância. Solidariedade. Justiça. Louvor ao Criador.

Sob a forma de uma LUZ branca (soma de todas as outras cores), preencher todos os espaços de Àfrica.
No final, a Luz lilás penetrando fundo, no interior da Terra Mãe africana inaugurando uma nova ordem.
………………………………………………………………………………………………………………………………………………….Continuaremos No próximo artigo, com o apelo que ouvimos no mais profundo do nosso ser.
Até lá, comece também a limpar a Terra Africana, enchendo-a de Luz. Isso tem muita força. Um grande alcance. O pedido é para todos nós!...não somos assim tão livres de culpa…

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

O nosso corpo é um templo sagrado!


O nosso corpo é um templo sagrado!

"O homem não tem um corpo separado da alma. Aquilo que chamamos de corpo é a parte da alma que se distingue pelos seus cinco sentidos."Fonte - O Casamento do Céu e do InfernoAutor - Blake , William

o corpo deve ser tão bem tratado quanto a alma, se ambos devem atingir a mesma perfeição da qual são capazes."Fonte - O LibertinoAutor - Lessing , Gotthold

"Torna-se indispensável manter o vigor do corpo, para conservar o do espírito."Autor - Vauvenargues , Luc de Clapiers


Sentir e perceber que o nosso corpo é um Templo, pode mudar muita coisa na nossa vida.

Ele é o aparelho que aloja o nosso espírito, o nosso pensamento, a nossa sensibilidade e consequentemente as nossas emoções.

È através dele que sentimos a alegria. A tristeza. O amor e todos os sentimentos mais feios que até me custa nomear…

O ódio. A ganância. A mentira. A injustiça. A raiva. A vingança. A guerra. A morte. A mágoa. A tristeza …e muitos outros terríveis inimigos, com compartimentos dentro do nosso ser que vão lentamente correndo a vida. A saúde. A alegria . A felicidade. A Harmonia que devia ser a causa maior da nossa existência. O ressentimento contra alguém, por exemplo , é um veneno que corrói lenta e diariamente à espera que seja o outro a sofrer. Somatiza e sofre quem sente o ressentimento…

Sem o corpo não podíamos vivenciar a liberdade para escolhermos o bem neste mundo denso e ascendermos a patamares altíssimos de bem estar e espiritualidade .

É neste Templo sagrado que se aloja a vida e até a morte, quando a mãe aborta.

Através do nosso corpo, sentimos o pulsar da vida que cresce em nós desde criança.

Na adolescência . Quando estamos em plena vitalidade. Quando somos idosos.

O nosso corpo é uma bússola essencial, quando disso tempos consciência.

Ele dá-nos indicações seguras do caminho que estamos a trilhar. Do momento em que devemos parar. Da ocasião em que passámos das marcas. Da altura em que é preciso reformular a caminhada.

Quando ficamos doentes, isso já é um alerta em dor!

O corpo já sofreu em silêncio, durante muito tempo. A doença demora a instalar-se. Vai dando pequenos sinais para haver tempo para retroceder. Mudar. Refazermos caminhos. Usarmos a nossa inteligência e liberdade e rapidamente retrocedermos.

Às vezes penso, que o Bem e a correcção são uma questão de inteligência.

Mas depois , também se repara que a inteligência emocional de quem pode até ser menos dotado, consegue milagres de bondade e ascensão que outros superdotados , nunca almejarão.

E se a inteligência PURA não a podemos mudar, a inteligência emocional treina se.

O António Variações que todos conhecemos, já dizia :

” Quando a cabeça não tem juízo, o corpo é que paga. O Corpo é que paga.”.

E na realidade, se pararmos e pensarmos bem, conhecemos todos esta realidade.

O que acontece é que não ligamos. Não respeitamos os sinais do nosso corpo.

Alucinados, prosseguimos no erro . Não queremos mudar. Muitas vezes é o maldito orgulho, o maior impedimento.

Não temos consciência que o nosso corpo é um Templo Sagrado. Vamos abusando até ao limite . Muitas vezes até ao corte do fio dourado da vida.

Come-se demasiado. Bebe-se em demasia. Abusa-se das drogas em comportamentos compulsivos. Doentios e lá vai tudo.

Fugas permanentes.

A vida não são só rosas. Tem muitos espinhos. Desgostos. Algum sofrimento. Dificuldades.

A vida é para ser vivida em cada momento. Em cada época, darmos com alegria, o melhor que somos capazes, sem perfeccionismo, nem fanatismos.

Sabemos e isso dá-nos força, que não é aquele que nunca pecou, que consegue maiores progressos. Aquele que prevaricou e caiu em si, tem muito mais possibilidades de êxito futuro.

Há segredos fundamentais que precisamos conhecer. Aquilo que desejamos verdadeiramente no nosso íntimo, se isso for o melhor para nós, isso acontece.

Além disso, o nosso corpo tem uma inteligência global e em cada um das suas células que o compõem.

O nosso corpo tem uma linguagem simples muito dele, que precisamos perceber. Respeitar até ao pormenor!

Se estás cansada, ele pede para dormires. Se abusas…ele adoece. Se tens fome, ele diz que precisa de alimento, mas no exagero, sentes-te enfartada. Ele fala sempre . Aprender a escutá - lo .A respeitá-lo, é a via certa para ser feliz e ter saúde.

Tudo o que alojas na mente, se materializa no corpo. NÃO DUVIDES…

È como o contador do carro. Nada escapa. Teu corpo está sempre contigo .Sabe tudo . Vê tudo. Sente tudo. Tudo soma.

Somos seres espirituais ligados ao Céu, ao Universo a fazer uma experiência na matéria.

O Céu dá a luz para o espírito. A mãe Terra dá o alimento.

È por isso que essas experiências da cremação não me convencem. Além de me chocarem muito a minha sensibilidade.

Há um ciclo. A mãe Terra deu-nos tudo. No final damos-lhe o nosso corpo.

Na verdade, o Filho de Deus Encarnado veio em tudo dar-nos o exemplo correcto e se a cremação fosse ideal ,Ele teria sido cremado. E Lázaro também não foi cremado.

E a Ressurreição como será?

Verdadeiramente, o nosso copo é um templo sagrado, sobretudo quando temos o privilégio e alegria de alojar no seu centro, o nosso Deus Pai Criador, seu Filho Amado Jesus e o Seu Divino Espírito.

Alma sã em corpo são, deve dizer -nos tudo!

Lucinda FERREIRA

linmare@edicomail.net

lucinda-umaponteparaoinfinito.blogspot.com