quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

Ecos ..poema de amor incondicional






Ecos


Longe do oceano
Abro a minha janela
Ouço o marulhar das ondas
Eco verde
Inunda todo o meu ser
Ramaria em festa
Alegria
Sonhos de viagens
Planeta de luz
Entra de mansinho
Na minha vida
Repartida em pedaços
Pelo coração de todos os que amo
E são muitos…
A Humanidade inteira!
Ecos…
Lucinda ferreira 5.jan.2011