domingo, 12 de julho de 2009

Oñati, uma cidade onde é bom viver!


Tive com Oñati uma experiência de amor com este local raro de paz e de ar lavado.

O verde da floresta que protege, envolve e emoldura esta pequena cidade, obriga-nos a acreditar numa Humanidade solidária .

Além disso, respira-se leve o sopro das das montanhas que aconchegam a cidade.

O que começou por me surpreender e encantar, foi o facto de todos os habitantes se saudarem ao cruzar na rua e ...quase todos se conhecerem. Conheciam a pessoao e toda a sua história familiar.

Outra surpresa agradável foi ver tanta, tanta Criança!

Criança é sempre sinal de esperança, confiança na vida e marca de generosidade humana.

Depois, foi com uma alegria imensa , como se via na maior parte das vezes , os homens de todas as idades, empurrando os carrtinhos de bébés.

Interessante verificar a grande quantidade de bébes gémeos.

Como se eles tivessem escolhido aquele local para nascer e crescer com amor por conhecerem de antemão que iam encontrar qualidade de vida, amor e um local diferente para serem!

Pois diz-se que escolhemos os nossos pais, o local , os pais, para encarnar...

Será isso mesmo assim?

Mistérios que pesam nas nossas vidas até aquele dia do frente a frente.

Até lá , agradeço a Oñati e às suas gentes , o acolhimento amigo e fidalgo.


Adeus , Oñati!
Muito obrigada.

Trouxe-te no coração.

Gostava de voltar a ver-te.