terça-feira, 24 de agosto de 2010

Posted by Picasa

Ser criança...

SER CRIANÇA...



Ainda era mt pequena e queria ter mts filhos...

A vida nao me ajudou a tanto.

Desde mt cedo q lia , lia obras q me ajudassem a saber educar os meus filhos q "adorava" e "adoro".

A eles agradeço do fundo do coraçao,terem me coroado de mae!

Acho q foi a obra prima da minha vida.



Qd partir para outro plano, seráo eles ainda o objecto do meu amor nao com apego,mas como ligaçao visceral e eterna..

Tb a minha mae e avo materna q nunca conheci,mas q mt amo, nem eu sei bem o motivo (...,) vivem inteiras em mim.

Comunica minha mae comigo ainda hoje e tenho a certeza q é real e nao estou alucinada.

As ultimas 3 vezes ficaram tao vivas q sao uma referencia importante.

É sp em ocasioes especiais de grande necessidade que Deus permite essa bençao pela qual estou mt grata...



Acho q comigo e meus filhos tb vai ser assim, se o bom Deus o permitir.

Alias esta perto o tempo em que lendo o pensamento uns dos outros, nao podera haver mais mentira e a harmonia nascera na Humanidade. Quem nao evoluir pelo amor, evoloui pela dor obrigatoriamente.



Mas hoje ia falar de Crianças...e ja me enchi da alegria q é ter tido 2 crianças maravilhosas e parecer q estou a fugir ao tema,mas elas eram as minhas doces e mt amadas crianças q eu fazia participar em tudo q lhes podia dar pistas para a vida.

Do mesmo modo todos os meninos q me passaram pela mao , como professora , tiveram esta minha atitude sp presente.

O mesmo no coro dos pequenos cantores de coimbra, dte 13 anos...

Sera por isso q ainda hoje recebo comovida, postais q dizem : "Todo o amor semeado cedo ou tarde florescerá."



Alias so terem saude, os nossos filhos, ja é uma bençao tb para agradecer...

Mas saber q qd partes, deixas alguem q valeu a pena amar ,pelo que o meu legado à Humanidade , considero-o grande so por estas duas pessoas, sob todos os aspectos...

E quem os conhece sabe q falo a verdade!



Mas bem , hoje fico mt mt triste pelas violencias q as crianças sofrem por tds os motivos. As vezes ate por excesso de "beneficios", imaginem...



Reparo q por excesso de trabalho, pelas metas de realizaçao demasiado altas em detrimento do tp gasto com os filhos, os meninos sao entregues a televisao q nem sabe , nem se preocupa com o mal q faz as crianças pela falta de preocupaçao pela informaçao q se passa , pelo abuso da falta de discernimento das crianças perante publicidades e programas destabilizadores, destruidores dos valores mais elementares...

Tudo conduzindo ao abismo e as crianças sem se poderem defender!

Ficam as crianças ligadas., paradas frente as tvs , nas consolas e nas jogos , sem brincarem no jardim..saltarem e darem vasão à sua energia.

Resulta tanto mal com a falta de mobilidade,com a falta de contacto com a natureza, com a falta de ligaçao nas brincadeiras com os pais.

Desta falta de mobilidade, resultam fenómenos de excesso de peso e consequentemente tdas as as doenças q tds sabem q dai resulta.

Do tipo de alimentação, é q terrível!

Na província, na maioria dos restaurantes...imaginem, ja não se vende sopa...

Fritos...fast food.. e toda a espécie de comida e de bebidas plasticas , é o que ha para oferecer as crianças...

Elas gordas, mal alimentadas, irritantes, irritadas, sujeitas a um barulho ensurdecedor e de enlouquecer, sem horas de sono,sem disciplina ,nem rspeito pelo seu debil sistema nervoso, é arripiante!

E quem abre a boca para opinar, e dar uma pista saudavel e diferente,é careta, velho e autoritario...



Tristeza q faz chorar de dor , pelos sem voz...pelos ignorantes, inconscientes, criminosos e incapazes de dar amor as crianças q vieram ao mundo por seu intermedio.

Indignos de serem pais, desculpem!

Pobres Crianças, q por vezes ate tem tudo e sao criadas num egoismo feroz , q é outra forma de pobreza infinita....

Pobres Crianças sem amor e sem rumo ...



































terça-feira, 3 de agosto de 2010

As flores do meu jardim são todas para o vós...

Uma imagem vale por mil palavras...
Hoje apeteceu me falar com as flores e ir com os meus 4 gatos, fotografar as flores do meu jardim...
Gostam?
Pois, são todas para vós com um carinho imenso
Vossa
Lindamar
Posted by Picasa

As flores do meu jardim que eiu adoro fotografar para vós...

Posted by Picasa
Posted by Picasa
Posted by Picasa

Flores do meu jardim!

Posted by Picasa

domingo, 1 de agosto de 2010

iIMPRESSÔES...




Hoje, embora contrariando este meu jeito e hábito de estar sempre fechada em casa, tive um convite de minha Filha e Genro e fui com meus netos a uma feira...



Não a uma Feira livre, como já fui algumas vezes e ia quando era pequenita e até gostava.



Hoje era uma Feira , num recinto fechado.
Logo para entrar, era necessário pagar um bilhete...
Havia seguranças e polícia por todo o lado, mas o que mais me chocou , foi o barulho ensurdecedor, apenas semelhante ao barulho do Carnaval na Ilha de Trinita nas Caraíbas, que me obrigou a recolher imediatamente ao Barco.
Parecia um inferno. O coração ficava tão agredido que disparava em taquicardia.



Hoje, era semelhante.
O que valia é que a feira era encostada a um cemitério e os mortos...fisicamente também não reclamavam.
Se o nosso espírito após a morte, não tivesse caracteristicas especiais , tornava a morrer de certeza...
De qualquer modo , não há um controle sanitário que ponha mão nestes desmandos e exageros , agressões para saúde pública com decibeis malucos e fora de qualquer gosto ou propósito.
É ver quem berra mais alto!


Mas , meus amigos , espantem-se, aqueles visitantes levavam bébés de menos de 3 meses, porque eram tão pequeninos que fazia dó a ignorância daqueles pais ,que não sabem o mal que estão fazendo áqueles inocentes .
Os seus sistemas nervosos, os seus desiquilíbrios, as suas doenças, problemas de cansaço, falta de atenção e tantos outros densconcertos nascem todos nesta falta de higiene sonora e de respeito pelos seus sistemas nervosos necessitados de silencio, paz , ambientes normais e não de gente que só ouve aos berros!


Mas a coisa não ficava por aqui: famílias inteiras passevam no alcatrão que fervia, com os seus carrinhos de bébes que deviam ter sede, choravam ,mas lá tinham que ir na "procissão".



Mais à frente, uma menina de tenra idade, cheia de pulseiras de ouro e mais ouro, (...) sentada no carrinho , era obrigada a comer pastéis cheios de creme que a mãe e avó lhe metiam pela boca abaixo com insistência , embora a bébé fizesse menção de não querer tanto doce...cremes ali ao calor, sabe Deus em que condições(!!!!)



Os Homens bebiam cerveja, cerveja, cerveja e os mais jovens, cocacola, cocacola, cocacola...se faz mal ou bem , que se lixe...(...) desculpem o palavrão ,mas irrita tanta ignorância.



Toda gente se perdia num mar de carros ...
Muitas considerações assaltaram o meu espírito , sem querer ser preconceituosa,mas talvez como educadora, me tivesse ficado esta preocupação de respeitar os mais novos que nos são confiados.
É que esta gente faz os meninos, pq isso não custa nada,mas depois educá-los ?


Eles não sabem , nem nunca ninguém lhes disse que a educação, o equilíbrio, e o respeito de uma crianças se aprendem 20 anos antes, pela educação dos pais...


Depois não me venham dizer que vivem mal os portugueses ,porque a maneira como se conduzem , se comportam , nem parece.
Depois o propósito e o despropósito da maneira de vestir maluca completamente deselegante e disparatada, as maneiras...meu Deus!
Por onde anda o tal Povo Português? Os Jovens ? As raparigas, futuras mães amanhã? Os pais...
O que me parece é que q televisão e o seu descalabro que se espalha sem critérios ,nem ninguém a comentar ou dar umas dicas de bom senso e de maneiras, faz desta gentinha simples , inculta e com ares de novos ricos, faz destas pessoas seres que não sabem para onde caminham, nem quem são ,nem o que andam a fazer ao cimo da terra...
Pronto. Meia bola e força. Pé na tábua e seja o que for , logo se vê...
Amanhã vão todos ao futebol...
Os mais jovens se for preciso, como não têm emprego, roubam, matam, esfolam, drogam-se e já está . Se rebentarem não faz mal ,porque também não há ideais.
A miúda até bateu na mãe , não foi?


Enfim...fiquei francamente triste com tudo o que observei deste Povo Português que sempre primou pela honestidade, trabalho, acolhimento e gente boa!
Gente de valores...hoje não sei por onde andavam , porque a imagem que passavam não me pareceu essa.
Oxalá que eu esteja enganada...