quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

SAIAI UMA RAPIDINHA...Responsabilidade. Mudança


 Responsabilidade. Mudança!
Saia uma Rapidinha…Responsabilidade. Mudança.

Somos totalmente responsáveis pela qualidade da nossa vida. Pelo efeito exercido sobre os outros, construtivo ou destrutivo, quer pelo exemplo quer pela influência directa. Montapert , Alfred




Depois da minha rubrica “Textos e Pretextos” que retornará, vou tentar ser fiel ao novo apontamento semanal. Uma reflexão curta. Incisiva. Válida.
Sai então uma rapidinha!

Hoje falo sobre o despertar pessoal.

Este não acontece quando se quer. Não é algo que envolva a razão. Envolve TODO O SER! Surge num momento preciso. Quando menos se espera. Um toque mágico. Uma chamada gentil! Num estalar dos dedos.

Exigente. Envolvente. Atento.
Ei-lo que bate à porta.

Não se contenta com pouco. Ou tudo ou nada. Uma nova pessoa emerge das cinzas. Do casulo. Uma lagarta feia transforma-se numa linda borboleta colorida.
Por dentro e por fora tudo mudou!

È dolorosa a mudança! Lembro a Águia que a meio da idade, perde bico. Unhas. Tem dor. Renovada, em seguida ressurge e vive outro tanto tempo, graças à mudança.

Assim é, amigo Leitor!
Removem-se sentimentos. Relacionamentos. Lembranças. Dores. Mágoas. Orgulho ferido. Tem que ser e com urgência.
Limpa-se cabeça. Veias. Coração.

Saber quem se quer ser responsavelmente. Sem queixinhas. Ladainhas de dor. Os outros não são caixote do lixo. Este trabalho pessoal é exigente. De vigilância constante.

Não vale mais passar aos outros falsidade. Tristeza. Irritação. Frustrações. ACABOU!

Ano novo, vida nova.

No exercício inclui-se: decisão firme para tal mudança. Aceitação do quem se é. Auto-conhecimento aprofundado.

Tem que resolver de uma vez por todas, se é para continuar na DOR ou ser FELIZ!

Pôr de parte a pretensão de querermos mudar os outros!
·     Nunca mais dizer SIM, quando se quer dizer NÂO.
·     Deixar de acreditar, que quem sempre erra é você.
·     Deixar de se comparar com os outros.
·     Deixar de ser invejoso, pensando que ser feliz é sempre e apenas,  para o outro.
·     Nunca mais se julgue “coitadinho”.
AMAR-SE.ACEITAR-SE.PERDOAR-SE SEMPRE, tem que ser o novo caminho.

Nunca mais humilhação gratuita, na sua vida, mas seja humilde, senão estraga tudo.

Talvez este artigo nem seja para si, se se sente feliz. Oxalá!
Mas se tem encrencas. Preocupações. Medos Dor. Perdas. Sofrimento, talvez SAIA UMA RAPIDINHA..lhe convenha, se assim o entender…

Se a vida não está a dar certo, para que insistir?
Parar. Ter a coragem de se assumir. Perder as unhas, o bico como a ÁGUIA, mas renascer, neste novo ano que desponta!
Dizer sim à vida. Sair do beco das convenções.

É verdade, garanto-lhes. Ninguém pode mudar ninguém, mas podemos mudar a nós próprios, se e quando o desejarmos.

Afirme para si mesmo, com toda a certeza, que só você pode determinar, um novo rumo para si.

Páre de culpar o outro.
Fica – lhe muito mal. Pense bem. Veja como isso o diminui. Fala da sua frouxidão. Falta de tudo que é básico num SER.
 Ser exige trabalho. Persistência. E mais coisas, mas isso, cada um tem que descobrir os meios. Hoje. Agora é o momento.
Pois então…
Saia uma Rapidinha!

…porque…"

 imgs net


É possível mudar nossas vidas e a atitude daqueles que nos cercam simplesmente mudando a nós mesmos”Rudolf Dreikurs

Lucinda Ferreira, 11.1.17


Sem comentários:

Enviar um comentário