quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

Saia uma Rapidinha... Compromisso



imgs net



Saia uma Rapidinha…Compromisso






Para mudar nossos hábitos, primeiro temos que assumir o compromisso profundo de pagar o preço que for necessário. William James








·      Neste ano de 2017, em que tudo que for dúbio. Sujo. Desonesto. Mentiroso. Errado, tudo vai ser posto a descoberto, é melhor ir se questionando…

·      Já perguntou a si próprio, com quem é o seu compromisso?

  • ·      Com o seu eu externo, cheio de ilusões. Fantasias que você muito bem sabe, ser tudo aparências. Falso, mas em que teima apostar, fazendo dos outros “trouxas” ou violentando-os?

  • ·      Com o seu ego que se consola com dinheiro. Carros,  última gama. Posição social.  Modas e tudo que possa “épater le bourgeois”?

  • ·      Com a sua mente que faz tudo para rejeitar a dor diária que sente no peito. Presumida. Alucinada, que finge que está tudo bem. Se aliena para não enfrentar a realidade, afirmando que tudo vai dar certo? Uma fuga desviante que recusa encarar a verdade dos factos? Corrigir o que estiver errado? Lutar para pôr no sítio, o que não for correcto?


Ou já buscaste uma nova postura e estás no caminho da evolução?

 Do auto conhecimento, interessado em fazer o teu melhor por ti, pelo Planeta Terra, pelos que nela habitam e que até são teus irmãos?

  • ·      Já optaste pelo teu eu interno que apenas luta pelo amor? Para dar amor e nesse gesto, receber amor?

  • ·      Já decidiste que o que te move é acima de tudo, a coerência? A tua essência? A paz de espírito? A tranquilidade, quando tudo está em ordem?

Mesmo que doa, é por essas atitudes que rejeitas a ilusão. 
Que procuras a verdade e ser autêntico, ainda que isso custe.

  • ·      Decidiste. Fizeste a tua escolha.

  •  Percebeste o que é a única coisa que conta, para se ser feliz inteiramente! 
  • Compreendeste que viver nesta vibração não exclui o trabalho. O conforto. Bens materiais que partilhas pela abundância que possuis…

A diferença reside apenas na opção da primeira escolha.

A pergunta que se coloca é:

  • ·      Candidato a coitadinho?

 Infeliz? Ambição? Dar nas vistas? Poder?
  • ·      Ou lutar para ser feliz? Conhecer-se melhor? Perceber que é uma questão de inteligência ter uma postura auto questinante  e da existência que se vive, para mudar e alcançar a prosperidade?

COM QUEM É QUE TE COMPROMETES REALMENTE?

·      Contigo próprio?
·      Ou…
·      Com aparências?

Pois. Desta vez até estou de acordo com Paulo Coelho, quando diz:.
“Liberdade não é a ausência de compromissos, mas a capacidade de escolher - e me comprometer com o que é melhor para mim. “

Lucinda Ferreira  12.1.17 


Sem comentários:

Enviar um comentário