segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Preocupação?!- Não, obrigada!


Texto e pretexto

Preocupação?!- Não, obrigada!

img net
“A preocupação só termina quando a fé começa.”?
Não se preocupe com o futuro.
..a pré-ocupação é tão eficaz quanto mascar chiclete para tentar resolver uma equação de álgebra.
Pedro Bial



Não conheço ninguém, nem eu própria que algum dia, por uma razão ou por outra, não tenha sentido o peso da preocupação.

Antecipa-se o resultado negativo do que se teme.
Se pensarmos bem, vemos que essa atitude não leva a nada mesmo.
Se a situação que se teme, tem solução, para que se preocupa?
Se a situação não tem solução, o que vale estar preocupado?

Infelizmente é um hábito que é urgente banir da vida de todos nós .

E por que razão?
·      A preocupação ocasiona estagnação da energia.Por essa razão “consome- nos vivos”. Causa doença. Quando a energia não circula , surgem bloqueios, justamente o que nos priva da saude! A preocupação carrega em si um grande desconforto. Absoluta falta de poder.
·      A preocupação nasce do medo. Da dúvida…Nasce da impotência desconfortável que se instala.
·      Há uma profunda ignorância arreigada nas pessoas, quando julgam que preocupar-se com alguém, significa que se gosta muito dessa pessoa. Que de alguma maneira, isso vai ajudá-la. Ser útil para o seu caminho.
Nada pode estar mais errado.
Mas que será que essa mesma pessoa beneficia com a preocupação doentia de  outrem?
·      O mais escandaloso e aberrante disto tudo, é que diz acreditar em Deus!
·      É a nossa falta de Fé que nos faz estar preocupados.
 Se aceitarmos que tudo ( mesmo o que dói e nos custa muito) contribui para o nosso crescimento a todos os níveis, ficamos calmos, venha o que vier. Não há preocupação.
·      Quando surge a perda, seja em que campo for, ela vem carregada de significado.Temos que decifrar o que a situação nos pretende ensinar.
 Perceber o que temos que mudar para não continuar a atrair o que a nossa frequência energética arrastou e trouxe às nossas vidas.
·      Quem semeia, colhe.
 Nada se perde dos nossos pensamentos. Palavras e atitudes. Mais tarde ou mais cedo, o Universo repõe o que está fora do nosso eixo.
Nada há a temer quando somos correctos com Deus. Connosco. Com os outros. E quando prevaricamos, temos que nos apressar a repor tudo no seu lugar.
·      Na verdade a pessoa preocupada inicia uma corrida na areia movediça. Não consegue chegar a lado algum…
·      No fundo, programamos. Acolhemos, o que temos de pior na construção das nossas vidas.
A impotência total, pelo modelo de comportamento que se adopta, é a criação da permanente preocupação!

·      È super urgente mudar este registo, sabendo programar o que desejamos receber.

·      Desenvolver a habilidade de focar. Pedir. Criar o costume de focalizar exactamente o que queremos que aconteça. Seja o que for!  Tempos que acreditar nisto. Somos criativos. Temos que ter essa consciência.
Criar hábitos de gratidão. Visualização. Oração. Meditação substituindo toda a negatividade da preocupação que já ficou lá no passado. Muito longe!
·       Criar firmemente a realidade que desejamos que venha até aos que amamos. Até nós. Visualizando com convicção o melhor. Agradecendo o que temos a certeza que podemos criar com a nossa atitude. Pensamento. Investimos com segurança nos nossos sonhos.

·      E depois esperamos o melhor. Tal como se soubéssemos que o correio traz o que encomendámos…

·      Afinal do que é que está à espera?

·      Gosta de sofrer por antecipação, porque é ignorante? Masoquista? Incrédulo?
·      Desconhece as suas capacidades e não está interessado em aperfeiçoar-se? Aprofundar as suas potencialidades? Mudar? Sentir a maravilha de ser tranquilo, bem disposto? De toda gente gostar da sua presença?
Quer evoluir? Ser feliz? Ver os que ama felizes e realizados ?
·      Faça esse contrato consigo mesmo, se assim o desejar. Se não gosta de sofrer por antecipação. Sempre na choradeira…Infernizando a sua vida e dos que o rodeiam.
·      Experimente e veja se vale a pena. A decisão é sempre sua.

Apenas partilho o meu testemunho.
É maravilhoso abandonar para sempre o pesadelo. Sentir-se leve. Feliz…
img net

23.11..14
Lucinda Ferreira



Sem comentários:

Enviar um comentário