terça-feira, 1 de abril de 2014

Ruha, sopro de vida...

Ruah , o sopro de Deus!
  
 
foto net


 O milagre da vida é o mais especial de todos eles, pq é Deus confirmando Seu amor por nós!

  Somente teremos um mundo melhor quando nossos valores estiveram voltados para o milagre da vida!
Carlos Roberto SabbiQuanto maiores somos em humildade, tanto mais próximos estamos da grandeza.
(Rabindranath Tagore)Se os homens tivessem dentro da alma a humildade e a gratidão, viveriam em perfeita paz.
(Vicente Espinel)
  




Podemos viver sem tudo na vida, mas há algo (…) sem o qual ninguém pode passar…Nem se pensa nisso, por ser tão natural.
È maravilhoso poder agradecer a todo o momento. Sentir a gratidão a crescer em nós em cada segundo, por nos ser dada tal riqueza.
Perceber de onde provem esse mistério. Quem tem poder sobre ele. Como chega até nós. Como começou a existir…
Valorizar a oportunidade. Usufrui-la com alegria.
Lutar para que a sua qualidade seja a melhor, para nós, nossos filhos e vindouros.
…………………………………………………………………………………
Inicialmente era o NADA. O VAZIO.
O pensamento do Criador que tudo oferece por amor fez acontecer a VIDA.
Não o Big Bang de George  Lemaître (1894-1966), , a explosão da vida. Mas a expansão da vida  , cf Genesis..

Húmus. Pó da terra que Deus molda e em que insufla. Expande  o Seu Espírito RUAH ( SOPRO DE DEUS ) fazem o homem existir.

Está viva em nós a humildade, cuja raiz é húmus e nos a obriga a reconhecer a nossa origem.
Esta atitude torna- nos autênticos. Grandes!
(Na Criação, o homem é rei dos animais .
Ser rei é um posto de serviço. Não uma oportunidade de tirania   e desaforo.
Quem assim exerce o poder, terá sérias contas a prestar a Deus e ao mundo.
Servir é respeitar. Velar pelo bem do outro. Tudo o que assim não for é servir-se. Trair.)

O homem distraído não se reconhece como húmus.
Fabrica a sua própria desgraça ao fugir de Deus. Ao negar o seu início.
Ora tudo o que nasce, morre, quando a força do Espirito abandona esse ser.
Sem o ar que o anima não sobrevive.
Logo que nos abandona, apodrecemos. Voltamos a ser húmus…
O nosso Espírito emigra para outras dimensões.

Deus é portanto o Oleiro Criador.
Não somos nós os Oleiros a criar Deus sujeito às nossas limitações ou caprichos…Ele é o autor de toda a criação.
 Ele permanece eternamente.

Ele é Jardineiro. Deu-nos o EDEN. O Universo para aí vivermos. Árvores belíssimas carregadas de gostosos frutos.
Pássaros no Céu para nos alegrar.
Peixe no mar imenso para nos alimentar.
Animais lindos e variados, para viverem connosco e aprendermos a amar, tratando-os com respeito e amor.
 Mesmo quando deles necessitamos para nos alimentar, ter o cuidado de pôr nesse gesto a maior delicadeza e cuidado, é urgente.
Alguém disse, que se todos visitássemos um matadouro, nunca mais ninguém seria capaz de comer carne, pelos horrores que se infligem aos pobres animais que persentem. Sofrem como nós, ao aperceberem-se da morte eminente sem apelo. Esse terror é somatizado e transformado em toxinas que o homem ingere, justamente porque violou a ordem. O amor.

Deus que tudo nos dá, não nos trata assim…
O sofrimento que atraímos e Deus permite, são lição e aprendizagem para daí extrairmos um bem maior. São chamadas de atenção. Só aprendemos pelo amor e pela dor.

Deus quer-nos felizes. Vivendo em amor. Só ele nos resgata.
Faz - nos renascer em cada momento. Misericordioso e compassivo, está sempre disposto a ajudar nos a recomeçar sempre.

Um dia destes, encontrei uma estudante de filosofia, minha ex aluna. Abordámos vários assuntos. Na relação com Deus - Amor, disse:
-Tenho medo da sua exigência. Quero viver a vida. É cedo para isso.
Perguntei:
- Pensas assim relativamente ao teu namorado?
 –Não.
 –Pois  Deus ama-te muito mais do que ele.
Nunca muda. Ama te eternamente como ninguém te amou nem há-de amar nunca, querida.
Viver sempre em plenitude amando e fazendo tudo o que quiseres, é maravilhoso. O amor que te une ao teu namorado, aumentará infinitamente. Acredita!
…………………………………………………………………………………
A cada dia ao acordar agradeça a Deus, pois muitos não tem a chance de ver o novo milagre da VIDA acontecer, dizia Neuza Coelho.

 Há que aproveitar a oportunidade. Alguns foram diretos para o esgoto sem cerimónia. Nós não fomos…
…………………………………………………………………………………
O Homem deslumbrado. Distraído. Não pensa que sem RESPIRAR, não vive.
Mistério que hoje nos acorda para uma atitude de gratidão. Respeito pela vida.
Depois de uma noite de descanso , de respiração automática, agradecer é um ato básico de reconhecimento.

Quando expirarmos pela ultima vez, que os outros chorem ou não (…),mas nós estejamos felizes por bem ter vivido em gratidão. Em paz, sabendo que o corpo é perecível. O Espírito é eterno.
Ruah, com tudo o que vivenciou. Escolheu na sua estadia na Terra, volta para a sua origem: O Coração de Deus de donde nunca saiu, mesmo antes de qualquer humano ter nascido.

Quem está habituado a ir ter com o Pai, neste momento, conhece o caminho.

Os que nunca O buscaram podem hoje, agora mesmo fazê-lo.

Ele está sempre de braços abertos para nos acolher.

"Ora, Deus não é Deus de mortos, mas de vivos.
 Todos pois, para Ele, estão vivos" (Lc 20:38).



Nota: É uma palavra hebraica que indica sopro de vida, vento, o movimento do ar, hálito, o espírito.
Nas escrituras hebraicas “ruah elohim” é o vento criativo de Deus.  
C.ª, 1.4.14...Lucinda Ferreira
foto net

Sem comentários:

Enviar um comentário