segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

Lembrança

Lembrança





Deserto castanho e loiro. Perco-me

Do teu doce olhar

Sem estrela, nem bússola para me guiar…

Sopra o vento

Pegadas levadas pelo mar

Meu amor tem asas

Aflito

Escuta o eco do meu grito

Passa no céu a voar

Meu amor tem asas fortes

Voo picado

Num salto ousado, prende-me

E vem- me salvar!

Coimbra, 27.1.14

Lucinda Ferreira

2 comentários: