sábado, 23 de fevereiro de 2013

No Cemiterio


Colecção : Textos e pretextos

                  No Cemitério                                      

Há gente que vai ao cemitério em busca de refrigério.

Pura ilusão.

Aquele ser querido que ali depositámos. Já lá não está.

Habita outra região.

Sim . O corpo é pó. Desfaz-se. Desaparece.

A alma. O espírito, esse não.

Vendo uma senhora chorar desesperada. Sentidamente.

Aproximei-me.
Perguntei : - por que chora tanto, minha amiga? Fale-me. Diga.

- Morreu meu marido…

 - E ele era bom? Era seu amigo?

-Muito! Era amigo de toda a gente.

- Que bom. Não pode ficar indiferente.

Mas antes de tudo, agradeça..

 Tem que tirar isso da cabeça.

Isso é o que mais ajuda uma viúva, irmã.

-Acredita em Deus?

-Muito!

-Querida, aprendemos que a dor é  normal. É mais fácil aceitar, senão a nossa fé é vã.

Falar com ele. Orar… Vai ajudar.

-É verdade, mas quando venho ao cemitério fico pior.

-Se ele era seu amigo não a quer triste. Não vir será melhor.

Tudo que nasce morre. A senhora e eu também…

- Minha amiga, tem razão. Vivemos todos em ilusão.

- Há uma certeza: o espírito não acaba. Encontrar-nos-emos no Além!

Cremos na Ressurreição.

Um dia a saudade, tornar-se-á eternidade.

A tristeza deste dia, vestir-se-á de luz. Paz e Alegria!

 E a senhora afastou-se naquela manhã fria.

No seu rosto em lágrimas, agora um raio de esperança brilhava.

 O dia crescia lentamente...

 A vida tímida e escorregadia simplesmente  avançava.
 Não parava.
Indiferente a tudo e a todos, não querendo saber de nada.
 
                                                            23.2.13 ...LUCINDA FERREIRA
 

 

 

 

 

 

 

4 comentários:

  1. Bom dia! Que bom ter consolado esta senhora.
    Feliz domingo.

    ResponderEliminar
  2. Gostei. Mesmo que não acredite na eternidade.

    ResponderEliminar
  3. peço aos meus amigos q gostam de comentar e a quem agradeço, q me enviem para o email q depois eu transporto para aqui pq parece q tem tido dificuldade em colocar comentario.Mt obrigada

    ResponderEliminar
  4. Muito grata pela vossa opinião
    Sao sempre um encorajamento beijso Lucinda

    ResponderEliminar