sábado, 27 de janeiro de 2018

ALQUIMISTA E CURADOR!

Textos e pretextos


Alquimista e curador


Esta é minha Gata Catitinha (tinha mais 3 , mas a Lila e o Tito já  me deixaram, com mágoa..ainda tenho a Catita, irmã desta)

“A alma de Deus, pode aparecer dentro dos olhos de um gato”.(Provérbio Celta)
“Impossível medir em palavras o bem que os gatos nos fazem”.



Desde criança que lido com eles e aprendi a respeitá-los. Estimá-los e a amá-los.
São eles que nos escolhem. Elegem-nos, para nos dedicar todo o seu amor leal e verdadeiro, embora na sua elegância e devoção, conheçam a descrição e se afastem quando sentem que não são necessários ou estão a mais…

Ter a sua companhia e amor é um privilégio. Uma honra, pois são autênticos. Vêem. Conhecem a nossa essência. Penetram no oculto. Nas sombras. No mistério. Daí que se afastem por vezes de locais e pessoas, por que não suportam a mentira.

O homem não os conhece, mas eles conhecem bem o homem e o seu íntimo, que não lhes escapa, nem os engana. A menor desarmonia real ou latente, ele sente-a de imediato.

O seu afecto é um gesto de confiança. Um julgamento e uma honra!

Se há solidão, ele sente-a e tenta colmatá-la, embora a enfrente a sua, de um modo mais valente e corajoso do que nós. Não reclama. Não reage agressivamente. Não se manifesta.

Quando se afasta, pensam que ele está alheio, no entanto perto ou longe, está sempre comunicando. Presente ou ausente, ele nos ensina algo. Vêem a realidade por dentro e no seu código, querem comunicar-nos algo, que nem sempre entendemos.

Catitinha é que me escolheu. Vive comigo há mais de quinze anos. Fala comigo com os olhos. Intriga-me e comove-me. Sabe bem que muito a amo. Vem acompanhar-me e despedir-se, quando saio e é quem me recebe, mal pressentem a minha chegada, juntamente com sua irmã e Didinho. É ela que lidera, quando não estou.

… ESPERO QUE JÁ TENHAM ADIVINHADO A QUEM ME REFIRO…

Relaciona-se com o oculto. Vê o avesso da existência e nenhuma aparência o convence e engana.

A sua dedicação é algo profundo e verdadeiro, pois conhecendo a autenticidade do mundo que o rodeia e das criaturas, não pactua com fingimento ao qual reage, afastando-se de imediato. Capta o menor impulso secreto de agressão, por parte dos humanos, para com ele…

Esconde-se de imediato, ficando atento e a espreitar, quando alguém indesejável aparece na nossa casa. Se a pessoa é confiável, roça seu corpo no amigo. Pode até saltar para o colo num doce gesto de confiança.Não abandona mais a visita. Se prestam honra de doce anfitrião, indicam que aquela pessoa merece ser recebida. Não nos prejudicará.

São um pára-raios num lar!

São bruxos. Alquimistas. Parapsicólogo. Médiuns.

Quem for autoritário. Intransigente com o seu semelhante. Materialista. Não se relacionar com o seu subconsciente. Com o mistério, não suporta este monge silencioso que tanta lição tem para nos dar.

Penso que já todos perceberam que me refiro ao querido GATO!

O Gato, além de nos ver por dentro, vê muito mais do que nós. Seu limiar de percepção é altíssimo. Possui muito quartzo na sua glândula pineal, permitindo-lhe alcançar uma realidade muito para além dos humanos. Permitindo transmutar a energia ruim do ambiente, que pode nos rodear e da qual não temos consciência.

Este mago animal carrega consigo algumas capacidades de cura dos seus amigos. Além disso, pressente quando algum órgão nosso está mais frágil, prestes a adoecer ou se está mesmo doente, avisa sobre esse facto, ao deitar-se mais do que uma vez (…), sobre o nosso corpo, nesse local. O Gato deita-se para limpar. Curar a energia negativa de doença presente no corpo do humano. Também se acredita que além de curar doenças, encaminha a alma dos mortos…

Vai passar a reparar que o Gato está muito bem sentadinho, num determinado lugar e de repente, dá um salto. Levanta e vai embora. Quando isso acontece, o Gato sente que já está tudo limpo. o seu trabalho está feito!

Estava a gostar… Volte, no próximo artigo. Intitular-se-á:
O Gato, professor!

(Sei que já sabe muito bem, que tudo que existe é energia. Tudo vibra em determinada frequência e que há uma energia de doença e uma energia de cura…E que, no CAMPO =Matriz Divina, estão todas as possibilidades de cura.)

Então, o GATO tem acesso ao Campo e cura mesmo.

Por milhentas razões que ainda vamos descobrir, este irmão menor, como diria Francisco de Assis, merece que o acolhamos com amor. Respeito e muita gratidão!

Sabe que espiritualmente o Egípcio antigo, avançado nas práticas espirituais, rico em mistérios, representava a adorada deusa Bastet (Bast, Ubasti. Ba-en-Aset ou Ailuros – palavra grega para gato), com corpo de mulher e cabeça de Gato, pois estes eram considerados, como potentes guardiões…
(E já agora só uma curiosidade: “ Nos seus templos foram criados gatos que eram considerados como encarnação da deusa e que eram por essa razão tratados da melhor maneira possível. Quando estes animais morriam eram mumificados, sendo enterrados em locais reservados para eles, que eram nas pirâmides.)



]E teremos muito para observar. Aprender com os Gatos. Sobretudo passar a ver o Gato, lidar com ele, com olhos de gratidão. Admiração. Respeito e Amor.
“Qual presente é melhor que o amor de um gato?” 
– Charles Dickens



Coimbra, 27 Janeiro de 2018…Lucinda Ferreira

Sem comentários:

Enviar um comentário