sábado, 17 de outubro de 2015

A Grande Viagem

Textos e pretextos
(Deusa da morte net)

                      Grande Viagem...

A Grande Viagem...



Acenas do outro lado da margem

Que se afasta cada vez mais

Sem te poder alcançar

Fumo ou miragem?

Estendo os braços

Não te posso tocar…

Remas sem parar

Gritas

Prestes a afundar!

Luto. Luto. Luto.

Corro. Bato a todas as portas

Peço socorro

Sem nada poder fazer!

Ninguém aparece.

Anoitece.

E não te pude salvar!

Comigo

A tua imagem

Corpo de seda

Fino arminho

Delicadeza. Carinho.

Deixar-te ser …

Noutra dimensão.

Guardar teu perfume

No meu coração

Mãos atadas

 Cada vez mais

Longe…

 A desaparecer

Soltar-te. Partir

Impotente ver

A tua sombra

Lentamente …A diluir…

Leve aragem

No horizonte

Desapareces…

Inicias só, a grande viagem!

Lucinda Ferreira
30.11.15

(imagem net)
C.ª17.Outubro 2015
Lucinda Ferreira

Sem comentários:

Enviar um comentário