quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

A propósito do sofrimento...


Por mais que nos custe a aceitar, na realidade o sofrimento é que ajuda o ser humanao a crescer.

E não há quem escape ao sofrimento humano.

A atitude perante o sofrimento é que pode variar.

Trabalhar os nossos medos, desconfortos, limitações , trabalhar estes bloqueios energéticos, leva o homem à sua ascenção.

Vivenciar, perceber, aceitar o sofrimento faz desaparecer a intensidade do mesmo.

Não é que o sofrimento dignifique o homem. Não se sofre para ser digno.


A coisa não é de fora para dentro!

O contrário , sim. Primeiro temos que ser , para depois nos comportarmos perante o sofrimento da maneira autêntica.

Não é procurar o sofrimento em si mesmo,mas antes não fugir dele e não nos vitimizarmos e culparmos os outros.

Diz se que todo o sofrimento é consequência de alguma acção nossa ( nesta ou noutra vida para quem acredita na reencarnação).

De qualquer modo o sofrimento exige muita coragem para encarar a dor e vivenciá-la.

Não será certamente tomar antidepressivos, canalizar para outras coisas a atenção ou afundar-se num fanatismo confortável, pedindo a DEUS, pedindo para que ELE resolva TODOS os problemas, numa atitude de fuga.

Quando se aguenta com coragem, de repente o sofrimento se esvai.

Por isso ninguém é vítima do destino, mas vivenciar e ir desgastand0 as dificuldades, o coração abre-SE e o bloqqueio finalmente é superado!

Sem comentários:

Enviar um comentário